LAE Responde:Ficar mais tempo no destino após o fim do curso

LAE Responde: É possível ficar mais tempo no destino depois que meu curso terminar?

 

Esta é uma pergunta recorrente de nossos clientes. Com a crise econômica no Brasil, muitas pessoas estão optando por estudar um longo período fora do país, e consequentemente querem saber: e depois? Vou poder continuar morando lá ou terei que voltar ao Brasil?

 

 

A resposta é: depende do destino e do tipo de curso. Atualmente, Canadá, Austrália e Nova Zelândia são os países que mais oferecem vantagens para alunos formados.

 

No Canadá, para ter direito a uma permanência maior, você deve completar um curso técnico ou superior de pelo menos oito meses de duração em uma instituição pública canadense. Após terminar o curso, você pode solicitar o Post Graduate Work Permit (PGWP), visto que dá direito a permanecer no país trabalhando por até 40 horas semanais pelo dobro do tempo do curso. Ou seja, se o curso durou oito meses, você poderá permanecer no Canadá mais oito meses apenas trabalhando; se durou dois anos, poderá ficar por lá por mais dois ou três anos.

 

Na Austrália, existe o Post Study Work Visa, que pode ser solicitado após a conclusão de cursos de Graduação, Mestrado ou Doutorado de pelo menos dois anos no país. Funciona da mesma forma: após finalizar o curso, você deve solicitar o visto, que caso aprovado, permitirá trabalho por até 40 horas semanais por dois anos adicionais.

 

Na Nova Zelândia, a regra é a mesma da Austrália para cursos de dois anos ou mais de duração. Porém, alguns programas técnicos e de Pós-Graduação permitem que o estudante fique no país por mais um ou dois anos, dependendo do tipo e área do curso. Consulte seu consultor da LAE para saber se o seu curso de interesse permite essa possibilidade.

 

É importante lembrar que estas são as regras vigentes atualmente, em Junho de 2018 - mudanças podem acontecer a qualquer momento caso assim seja decidido pela imigração dos países citados. Os vistos referidos não se aplicam a cursos de inglês e não são automáticos, devendo ser solicitados após o fim do curso. Os vistos estarão sujeitos à aprovação pelo Governo de cada país - terminar o curso não é garantia de que você terá o visto aprovado, mas a chance é grande de poder ficar por mais um tempo no país e quem sabe tentar residência permanente. Gostou da ideia? Entre em contato conosco via somos@lae-edu.com.br e marque uma conversa gratuita com um de nossos consultores para traçar seu projeto!

blog.comparte